Twitter            

.

.

sábado, 20 de outubro de 2018

COALIZÃO DE PROCESSADOS E CONDENADOS POR CORRUPÇÃO SE JUNTAM A FÁTIMA BEZERRA (PT)

Resultado de imagem para acordão com fatima bezerra
Nunca foi tão fácil ver o que representa uma candidatura ao Governo desse Estado! Após o apoio público prestado pela liderança das Facções Criminosas Prisionais, Fátima Bezerra recebeu essa semana também a adesão de uma verdadeira tropa de choque da "velha política" do RN.
Dison Lisboa ( de tornozeleira), vários oligarcas respondendo por crimes diversos e, será surpresa? Até Robinson Faria estão no palanque político Petista! É mole?
O detalhe é que esse povo todo está unido para fazer um governo de oposição a Jair Bolsonaro, apontado nas últimas pesquisas como detentor de 60 a 70% das intenções de voto. Onde é que um Estado quebrado como o RN pode ser contra o governo federal, do qual depende de forma imprescindível?
Um governo petista, apoiado pela nata da velha política corrupta é fazer regredir ainda mais o Estado que lidera todas as estatísticas de atraso e desgraças desse País!
Quer dizer: o mesmo grupo político que quebrou o RN, quer terminar de lascar o restinho, contando com a ignorância e cegueira da parcela da população que entende que "política não se discute" ou que "vota em quem Lula mandar".
Lembrando que Lula pediu votos para Robinson Faria ( dois processos federais por Corrupção pendentes, só aguardando terminar o foro privilegiado do cargo de governador) e para Sérgio Cabral ( ex-governador do RJ, preso com mais de cem anos de cadeia).
Com Fátima Bezerra e PT, o RN vai se perder!

COM BOLSONARO NO PLANALTO E FÁTIMA GOVERNADORA, O QUE SERÁ DO RN?

Resultado de imagem para bolsonaro e a senadora  fatima bezerra

    
Ninguém duvida mais da vitória de Jair Bolsonaro sobre o inexpressivo Haddad, no segundo turno das eleições presidenciais. Informações seguras dão conta que o único objetivo da continuação da patética campanha eleitoral presidencial Petista é favorecer, de alguma forma, o segundo turno nos Estados. Aí entra o Rio Grande do Norte.

No RN, Fátima Bezerra (PT) estava liderando nas pesquisas, desde o primeiro turno. No segundo turno, no entanto, está ocorrendo uma virada nas intenções de voto, em que o candidato Carlos Eduardo Alves (PDT) já conseguiu o empate técnico - contando com o firme apoio do antipetismo ( o maior movimento cívico nacional da atualidade).

Carlos Eduardo já declarou apoio pessoal a Jair Bolsonaro, enquanto Fátima Bezerra não tem como fazer isso, uma vez que representa genuinamente o lulopetismo que o Brasil inteiro está escorraçando da política.

O RN, atualmente, é um Estado quebrado, com folha de pagamento atrasada, 147 municípios em estado de emergência pela seca, saúde, educação e segurança pública em calamidade... Será que esse Estado aquenta uma gestão PT - com tudo o que isso significa de ruim - fazendo oposição ao Governo Federal liderado por Jair Bolsonaro?

Carlos Eduardo tem recebido muitas críticas, mas não se pode negar que é um gestor experiente e que tem aliados em lugares importantes para facilitar a vinda de recursos públicos e investimentos do capital privado no Estado. Ao se colocar em apoio a Bolsonaro, juntou-se ao civismo popular antipetista que só cresce e, é claro, abriu um canal de comunicação colaborativo com o futuro Governo Federal.

Não é preciso ser um gênio para entender que Fátima Bezerra é um desastre para o RN. Lhe faltam qualificações para ser Governadora, está do lado errado da política e no momento errado da História. Que os potiguares reflitam nas consequências futuras de digitar o número do azar nas urnas...

... O RN não merece esse castigo!

sexta-feira, 19 de outubro de 2018

TODOS PELO PODER!!! Campanha política não é convenção de representantes da Avon

 O jornalista Magnos Alves  em suas redes sociais disparando sua perplexidade com a campanha eleitoral e algumas composições que, para ele, são surpreendentes:
- Jamais imaginei Ezequiel Ferreira (PSDB) e Raimundo Fernandes apoiando Fátima Bezerra (PT).
Interajo:
- Isso é uma campanha política, meu caro, e não convenção estadual de representantes da Avon. Você ainda não viu nada. Esqueceu de Galeno Torquato (PSD) ao lado de Raimundo Fernandes (PSDB)?

Bolsonaro tem 64% contra 36% de Haddad, diz pesquisa

Resultado de imagem para bolsonaro diz que está “com uma mão na faixa” presidencial

O candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, aparece com 64% dos votos válidos, contra 36% do petista Fernando Haddad, de acordo com pesquisa do "DataPoder360" divulgada nesta sexta-feira (19).

Essa é a primeira pesquisa do instituto no segundo turno da eleição presidencial. Simulação de segundo turno entre Bolsonaro e Haddad feita entre os dias 3 e 4 de outubro, portanto antes do primeiro turno realizado no dia 7, mostrava o ex-capitão do Exército com 51% dos votos válidos, contra 49% do petista.

Quando considerados os votos totais, de acordo com o levantamento do DataPoder360, Bolsonaro soma 57% e Haddad tem 31%. Brancos e nulos somam 9% e o percentual dos que não sabem ou não responderam é de 3%.

O DataPoder360 entrevistou 4 mil pessoas por telefone entre quarta e quinta-feira. A margem de erro do levantamento é de 2 pontos percentuais. O segundo turno da eleição está marcado para o dia 28 de outubro.

Parabéns, Benes Leocádio pela escolha! Contra tudo que vossa excelência pregou na campanha!

A imagem pode conter: 3 pessoas, pessoas sorrindo, texto

" Somos inteligentes e não e sabemos que o Brasil está encerrando um ciclo, uma era, a era do PT. E o Rio Grande do Norte não pode ir na contramão do Brasil" Carlos Eduardo

Hoje, pela manhã estivemos numa produtiva reunião no hotel Rifoles, na capital potiguar. O evento contou com a participação  de correligionários de todo RN que vieram  dá  sim ao projeto do segundo turno do candidato Carlos Eduardo.
Carlos Eduardo fez um discurso seguro enfatizando com veemência o nome do candidato líder em todas as pesquisas  Jair Messias Bolsonaro como uma verdadeira mudança na história do Brasil.  


" Somos inteligentes e não e sabemos que o Brasil está encerrando um ciclo, uma era, a era do PT. E o Rio Grande do Norte não pode ir na contramão do Brasil, não pode retroceder.
O PT governou o Brasil por treze anos e estamos vendo agora o resultado desse desastre: quatorze milhões de desempregados, queda do Produto Interno Bruto em nove pontos percentuais, que levou o Brasil a uma das mais graves crises econômicas da História e ainda os escândalos do mensalão, do petrolao, que foram os assaltos de bilhões de reais aos cofres públicos do país, por isso que o Rio Grande do Norte vai dizer também um não ao PT.", concluiu, sob forte aplausos.

A imagem pode conter: 3 pessoas, pessoas em pé
A imagem pode conter: 8 pessoas, pessoas em pé

COM A PALAVRA O ELEITOR: Adversários em São Miguel, Raimundo Fernandes e Galeno Torquato fazem acordo em torno de Fátima

Adversários ferrenhos em São Miguel, os deputados estaduais reeleitos Raimundo Fernandes (PSDB) e Galeno Torquato (PSD) decidiram apoiar juntos a candidatura ao Governo do Estado da senadora Fátima Bezerra (PT).
Raimundo no 1º turno apoiou Carlos Eduardo.
Galeno no 1º turno apoiou Robinson Faria.
Resta saber como o eleitor vai interpretar a união de adversários no município.
Resultado de imagem para RAIMUNDO FERNANDES E GALENO JUNTOS

Carlos Eduardo faz convocação na reta final:” Começamos atrás, empatamos e quem empata, vai virar”

A imagem pode conter: 7 pessoas, multidão e área interna

Mais de 500 lideranças dos 167 municípios do Rio Grande do Norte superlotaram o auditório de um hotel em Ponta Negra(Natal) em clima de entusiasmo para garantir empenho para a vitória do ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo(PDT) para governador. Empolgado, Carlos Eduardo agradeceu apoios e garantiu: “Começamos a campanha atrás, fomos ao segundo turno, empatamos na pesquisa e quem empata, já virou e vai vencer a eleição”.
Carlos Eduardo se referiu à pesquisa encomendada pela Rede Record de Televisão e realizada esta semana (17 e 18/10) que aponta empate técnico na eleição para o Governo do Rio Grande do Norte. A senadora Fátima Bezerra(PT) tem 47% na consulta estimulada e Carlos Eduardo(PDT) chegou a 45%. Indecisos somam 3% e nenhum 5 %.
Nos votos válidos, Fátima ficou com 51% e Carlos Eduardo atingiu 49%. A margem de erro é de 3% para mais ou para menos. A pesquisa ouviu 1.500 pessoas e foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral(TRE) sob número de Registro: RN-00854/2018 / BR-07462/2018.
“Vamos atrás de cada voto, de manhã, de tarde, de noite, de madrugada, vocês são combatentes nessa luta para resgatar o Rio Grande do Norte do caos instalado com a participação decisiva do PT. Precisamos de um governador em sintonia com o Presidente Jair Bolsonaro e o ciclo do PT acabou. Vamos despachar o PT que quase acaba o Brasil, também do Rio Grande do Norte”, afirmou o candidato do PDT.
Estavam presentes o candidato a vice-governador, Kadu Ciarlini (PP), deputados reeleitos (Walter Alves – federal – Tomba Farias, Hermano Morais), o prefeito de Natal Álvaro Dias, prefeitos, ex-prefeitos, vereadores e líderes de todas as regiões.

Nesta sexta-feira, Carlos Eduardo recebeu novos apoios: do PRB, do PTC, do prefeito de Jucurutu, Valdir Medeiros, o Liso (Solidariedade), do vereador Odair Diniz, candidato a deputado federal mais votado de Caicó e da prefeita de Serrinha dos Pintos, Rosânia Ferreira, de Carnaúba dos Dantas, Gilson Dantas, de São Miguel do Gostoso, Renato de Souza (Doquinha) e Touros, Assis Andrade (Assis do Hospital).
A imagem pode conter: 4 pessoas
A imagem pode conter: 4 pessoas, incluindo Telma de Farias, pessoas sorrindo, pessoas em pé

Deputado eleito, Dr. Bernardo Amorim declara apoio a Carlos Eduardo

O médico e deputado estadual eleito Bernardo Amorim (Avante), passa a apoiar apoiar o ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo (PDT) para governador.
Com 42.049 votos, Dr. Bernardo conquistou seu primeiro mandato na Assembleia Legislativa e tem forte atuação política no Médio Oeste potiguar. A decisão foi anunciada nesta sexta-feira(18).

Extra: Pesquisa Record/Real Big Data: Empate técnico entre Fátima e Carlos Eduardo: 47x45

Pesquisa encomendada pela Rede Record de Televisão e realizada esta semana(17 e 18/10) aponta empate técnico na eleição para o Governo do Rio Grande do Norte. A senadora Fátima Bezerra(PT) tem 47% na consulta estimulada e o ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo(PDT) chegou a 45%. Indecisos somam 3 % e nenhum 5 %.

Nos votos válidos, Fátima ficou com 51% e Carlos Eduardo atingiu 49%. A margem de erro é de 3% para mais ou para menos. A pesquisa ouviu 1.500 pessoas e foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral(TRE) sob número Número de Registro: RN-00854/2018 / BR-07462/2018.

O Instituto Real Big Data, contratado pela Record e que faz pesquisas nacionalmente( deu 60x40 para Jair Bolsonaro na pesquisa presidencial contra Fernando Haddad), também mediu a rejeição no Rio Grande do Norte e divulgou: 34% dos entrevistados disseram jamais votar em Fátima contra 25% de Carlos Eduardo. O instituto também constatou 74% de desaprovação ao Governo Robinson Faria. Para Presidente, no Rio Grande do Norte, Haddad vence por 51 a 42 pontos percentuais.
A imagem pode conter: texto
A imagem pode conter: texto
A imagem pode conter: texto

quinta-feira, 18 de outubro de 2018

Bolsonaro tem 60% dos votos válidos; Haddad, 40%

Pesquisa RealTime Big Data divulgada nesta quarta-feira (18) mostra o deputado federal Jair Bolsonaro, candidato do PSL à Presidência da República, com 60% da preferência do eleitorado considerando os votos válidos. O ex-prefeito de São Paulo e ex-ministro Fernando Haddad (PT) aparece com 40% das intenções de voto. O levantamento foi encomendado pela RecordTV.
O resultado conta apenas as intenções de voto direcionadas para um dos dois candidatos, desconsiderando os eleitores indecisos e as menções de voto em branco e nulo.
Comparando com o último levantamento do instituto, publicado na segunda-feira (15), a diferença entre os adversários passou de 18 para 20 pontos percentuais.
Considerando os votos totais, o levantamento mostra Bolsonaro com 52% das intenções de voto, ante 35% de Fernando Haddad. Os votos brancos e nulos somam 8% e os eleitores indecisos, 5%.
O segundo levantamento do RealTime Big Data para o segundo turno também mostra estabilização na rejeição do eleitorado aos candidatos: o percentual de eleitores que não vota de jeito nenhum no candidato do PSL passou de 46% para 45%. Já a rejeição a Fernando Haddad passou de 53% para 54%.
O RealTime Big Data ouviu 5.000 eleitores entre os dias 16 e 17 de outubro. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos, e o nível de confiança é de 95%. A pesquisa foi encomendada pela RecordTV e foi registrada no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sob o número BR-03883/2018.
Bolsonaro e Haddad disputam o cargo no dia 28

Gustavo Carvalho anuncia apoio a Carlos Eduardo com 8 prefeitos e 40 vereadores

Segundo mais votado nas eleições 2018 com 47.544 votos, o deputado estadual reeleito Gustavo Carvalho (PSDB) anunciou no final da tarde desta quinta-feira (18), seu apoio à candidatura do ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo(PDT) a governador.
Em reunião no bairro de Mirassol, em Natal, Gustavo Carvalho reuniu o seu grupo político para se integrar na campanha de Carlos Eduardo. São oito prefeitos: Maria Olímpia (Paraú), Carlinho de Veri (Parazinho), Rosano Taveira (Parnamirim), Francisco Felipe (Tiquinho), de Ruy Barbosa, Anteomar Pereira (Babá), de São Tomé, Jorginho Bezerra (Tangará), Larissa Rocha (Tenente Ananias) e Maurício Filho, o Mauricinho (Grossos).
O grupo conta ainda com 19 ex-prefeitos, seis vice-prefeitos e 40 vereadores. “Somos uma família que vira um exército nas ruas para ajudar na vitória do governador Carlos Eduardo”, declarou Gustavo Carvalho.
São lideranças de 66 municípios.
Gustavo Carvalho e seu grupo politico anuncia apoio a CE (1)

‘PT é prejudicado pela verdade, não por fake news’, diz Bolsonaro após denúncia

O Estado de São Paulo
O candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, rebateu com críticas ao PT a reportagem do jornal Folha de S. Paulo, que revelou que empresas favoráveis à sua candidatura bancaram a disseminação de mensagens contra o PT no WhatsApp.
“PT não está sendo prejudicado por ‘fake news’, mas pela VERDADE”, escreveu Bolsonaro. “Roubaram o dinheiro da população, foram presos, afrontaram a justiça, desrespeitaram as famílias e mergulharam o país na violência e no caos. Os brasileiros sentiram tudo isso na pele, não tem mais como enganá-los!”, escreveu.
Minutos depois, o candidato do PSL fez outra publicação, na qual questiona: “Quem é o ‘Avião’ na lista da Odebrecht?”. Trata-se, aparentemente, de uma referência à vice de Haddad, Manuela D’Ávila (PCdoB), que teria esse apelido na lista de pessoas que receberam doações do setor de propina da Odebrecht, segundo delatores da empresa.
Manuela já negou essa acusação e disse que todos os valores que recebeu na campanha de 2012 foram devidamente declarados.
Mais cedo, após vir à tona a revelação de que empresas bancaram a disseminação de mensagens contra o PT nas redes sociais, Haddad afirmou, em coletiva de imprensa, que vai acionar todos os mecanismos judiciais para que a campanha de Jair Bolsonaro (PSL) e os empresários supostamente envolvidos sejam punidos.
O petista citou até a possibilidade de que a candidatura do adversário seja impugnada e o terceiro colocado no primeiro turno seja chamado para disputar a segunda etapa da disputa. “Em qualquer lugar do mundo isso seria um escândalo de proporções avassaladoras, poderia encerrar até com a impugnação da candidatura com a chamada do terceiro colocado para disputar o segundo turno”, disse Haddad.
Além dos contratos de R$ 12 milhões citado pela reportagem da Folha para serviços de disparos de mensagens no WhatsApp, Haddad disse que há indícios de outros “milhões de reais” em contratos ainda não identificados. O petista apontou que o próprio adversário, falando por viva-voz no celular, pediu a empresários que financiassem a disseminação de mensagens aos eleitores. Para Haddad, houve crimes de organização criminosa, caixa dois, calúnia, difamação e lavagem de dinheiro.

quarta-feira, 17 de outubro de 2018

JOGO QUASE IGUAL SEGUNDO O IBOPE PARA GOVERNO DO RN: Nos votos totais, Fátima Bezerra, do PT, tem 48%, e Carlos Eduardo, do PDT, 42%

Resultado de imagem para FATIMA BEZERRA E CARLOS EDUARDO

O Ibope divulgou nesta quarta-feira (17) o resultado da primeira pesquisa do instituto sobre o segundo turno da eleição para o governo do Rio Grande do Norte. O levantamento foi realizado no sábado (13) e no domingo (14) e tem margem de erro de 3 pontos, para mais ou para menos.

Nos votos válidos, os resultados foram os seguintes:

Fátima Bezerra (PT): 54%
Carlos Eduardo (PDT): 46%

Para calcular os votos válidos, são excluídos da amostra os votos brancos, os nulos e os eleitores que se declaram indecisos. O procedimento é o mesmo utilizado pela Justiça Eleitoral para divulgar o resultado oficial da eleição. Para vencer no 2º turno, um candidato precisa de 50% dos votos válidos mais um voto.

Votos totais

Nos votos totais, os resultados foram os seguintes:
Fátima Bezerra (PT): 48%
Carlos Eduardo (PDT): 42%
Em branco/nulo: 8%
Não sabe: 2%
Nos votos totais, Fátima e Carlos Eduardo estão empatados no limite da margem de erro.

Rejeição

A pesquisa também apontou o potencial de voto e rejeição para governador. O Ibope perguntou: "Para cada um dos candidatos a governador do Rio Grande do Norte citados, gostaria que o(a) sr(a) dissesse qual destas frases melhor descreve a sua opinião sobre ele"?

Carlos Eduardo (PDT)
Com certeza votaria nele para governador do RN - 33%
Poderia votar nele para governador do RN - 18%
Não votaria nele de jeito nenhum para governador do RN - 31%
Não o conhece o suficiente para opinar - 14%
Não sabem ou preferem não opinar - 3%

Fátima Bezerra (PT)

Com certeza votaria nela para governadora do RN - 38%
Poderia votar nela para governadora do RN - 15%
Não votaria nela de jeito nenhum para governadora do RN - 33%
Não a conhece o suficiente para opinar - 10%
Não sabem ou preferem não opinar - 3%

Sobre a pesquisa
Margem de erro: 3 pontos percentuais para mais ou para menos
Entrevistados: 812 pessoas em 40 cidades
Quando a pesquisa foi feita: 14 e 16 de outubro
Registro TSE: BR-08202/2018
Registro no TRE/RN: RN‐07695/2018
Nível de confiança: 95%
Contratantes da pesquisa: Inter TV Costa Branca
O nível de confiança da pesquisa é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem a realidade, considerando a margem de erro, que é de 2 pontos, para mais ou para menos.

Bolsonaro diz que está “com uma mão na faixa” presidencial

Resultado de imagem para Bolsonaro diz que está “com uma mão na faixa” presidencial

Jair Bolsonaro disse hoje que está “com uma mão na faixa” presidencial e que Fernando Haddad “não vai tirar” uma diferença de “18 milhões de votos até daqui dois domingos”, registra o UOL.

Antes de falar da mão na faixa, o presidenciável do PSL afirmou que não estava preocupado com isso e que não tem obsessão pelo poder.

“Quero ajudar o Brasil a sair dessa situação”, comentou ele, após visita à sede da Polícia Federal, no Rio de Janeiro, onde agradeceu à corporação pela segurança feita pelos agentes.

“Não é porque está na lei que eu não devo reconhecimento a eles”, disse Bolsonaro, que, mais cedo, como registramos, teve um encontro com o arcebispo do Rio, dom Orani Tempesta.