quarta-feira, 18 de setembro de 2019

R$ 10 trilhões foram roubados do povo brasileiro” afirma Moro



Na  sessão desta quarta-feira, o TCU recomendou por unanimidade a rejeição das contas da presidente Dilma. O parecer deverá ser encaminhado para o Congresso que definirá se segue ou não a orientação do tribunal.
O ministro do Tribunal de Contas da União (TCU), Augusto Nardes, afirmou ontem (7) que o governo federal deixou de contabilizar mais de R$ 10 trilhões em passivos da Previdência no ano de 2014.
O relator disse que alertou a presidente Dilma Rousseff sobre as inconsistências nas contas, mas que as medidas adotadas para resolver o problema foram “insuficientes”. “Nas contas do ano passado, relatadas pelo eminente ministro Raimundo Carreiro, alertei a presidente da república – inclusive pessoalmente porque estava muito preocupado com toda a situação que encontramos – sobre a existência de mais de R$ 9.5 trilhões – não estou falando de bilhões – trilhões em passivos atuariais e contingentes não contabilizados”, declarou.
Segundo Nardes, o governo não ficou “inerte” frente ao alerta, mas as medidas foram “insuficientes” para resolver o déficit nas contas da Previdência.

5 comentários:

Se rejeitar será glorioso!

Deve para que se delagre erros/desvios
e se proceda as medidas legais

Deve para que se deflagre erros/desvios
e se proceda as medidas legais

Ela deveria já ter sido presa!!! Nããããooo, está é viajando pela Europa gastando o nosso dinheiro, fruto do nosso trabalho!!! Demônia

Notícia fake e velha, de 2016. Nunca teve 10 trilhões de dívida. Quem falou na contabilização da despesa da previdência em data errada foi o ministro do Tcu,Augusto Nardes. Não Sérgio Moro e se referia a 2.400 trilhões, que foram contabilizados posteriormente. A isso chamaram pedaladas.Dilma foi inocentada,das responsabilidadedestas pedaladas. Deu em várias emissoras de Tv em 2016. O impeachment não teve justificativa nenhuma. Puro golpe para implantar uma economia neo liberal que se mostrou um desastre com Temer e o Psdb.