Twitter            

.

.

sexta-feira, 27 de abril de 2018

VIDEO: Família de Iasmin Lorena foi vítima de ataques após onda de boatos no Whatsapp; polícia evitou o pior


Boatos lançados nas redes sociais de forma irresponsável quase cansaram mais uma desgraça em Natal. O caso da menina Yasmin Lorena comoveu o Rio Grande do Norte e ganhou desfecho final nesta semana, com a prisão principal suspeito, o pedreiro Marcondes Gomes da Silva, até então bem visto pela população, inclusive pela família da vítima.

Após a prisão do homem nessa quinta-feira(26), começaram as especulações de que a mãe de Yasmin teria um caso com o suspeito e que ela também tinha participado do assassinato da filha. A população da Redinha revoltada com as falsas informações foi para a frente da casa da família (vitima) com o intuito de destruir a casa e possivelmente quem estivesse nela.

“Corri para o local para fazer meu trabalho de jornalista e tentar ajudar a impedir a destruição. No local já estava o repórter Val Lima, que foi impedido junto com sua equipe de fazer filmagens da situação. Então me juntei a Val e começamos um diálogo com a população revoltada e cega. Foi difícil. Quando pegava no celular logo vinha uma ameaça.” (Se gravar alguma coisa, tá ligado né boy)”. Conseguimos convencer o povo a não depredar a casa da mulher e logo a polícia chegou e conseguiu controlar melhor a situação.
Imagens e captura de informações de Ney Douglas. Confira abaixo.

Nenhum comentário: