Twitter            

.

.

quinta-feira, 26 de maio de 2016

Dilma diz que vai usar gravações contra PMDB em sua defesa no Senado

Em mais um bate papo nas redes sociais, a presidente afastada Dilma Rousseff confirmou que as gravações envolvendo o ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, e caciques peemedebistas serão usadas em sua defesa para rebater a legitimidade do processo de impeachment.
“Desde o início, temos alegado que este processo de impeachment foi realizado com desvio de poder, ou seja, buscando-se finalidades totalmente estranhas à lei. Agora, com estas gravações, isto fica ainda mais claro. Se pretendeu o impeachment para impedir que as investigações da operação Lava Jato prosseguissem normalmente”, disse a presidente afastada.

Um comentário:

Anônimo disse...

Gente, não tem prefeito conseguindo trabalhar,sabe porque? porque não está vindo verbas suficiente para concluir as obras e continuar com novas,na próxima eleição, com quem o Pachelli vai brigar?, mudar de partido, que ridículo, vou continuar com Naldinho, caso contrário, Dr. Ivan, e quem tá fazendo as contas de 1.000 votos sendo puxado, que matemático é esse:? acorda gente.