quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

Rosalba perde força até na Assembleia Legislativa


Em uma semana, o Governo Rosalba Ciarlini (DEM) sofreu dois duros golpes num dos últimos redutos em que tinha folgada proeminência: a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte.
No dia 5, na calada da noite-madrugada e bastidores, tentou impor o nome do deputado estadual Fábio Dantas (PHS) como indicação ao Tribunal de Contas do Estado (TCE), atropelando acordo preliminarmente firmado pelo líder do PMDB, deputado federal Henrique Alves, à eleição do deputado Poti Júnior (PMDB).
Deu Poti Júnior por um voto de maioria. E ficou mais um desapontamento de Henrique com o governo de Rosalba, que ele tem apoiado de forma significativa.
Ontem, a mesma Assembleia Legislativa aprovou projeto orçamentário para o exercício 2013, com redução de 15% para 5% na margem de remenejamento de receitas do Estado, pelo governo, sem consulta à Casa.
Hoje, é difícil até mesmo ouvir alguma voz governista em plenário, com manifestação de defesa ao governo.

0 comentários: