.

.

quinta-feira, 16 de março de 2017

FRAUDES BANCÁRIAS: Quadrilha desarticulada pela PF desviou mais de R$ 1 milhão no RN e na Paraíba


A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (16) a Operação Quimera V, visando desarticular organizações criminosas especializadas em fraudes bancárias, que se utilizavam de documentos falsificados para obter empréstimos consignados e sacar precatórios judiciais. Cerca de 30 policiais federais cumpriram 10 mandados judiciais, sendo 5 de busca e apreensão e 5 de prisão preventiva nas cidades de Natal, Parnamirim, Nova Cruz, Tibau do Sul e Lagoa D’Anta. Na Paraíba, em João Pessoa e Sapé.

De acordo com a PF, a quadrilha sabia quem podia fazer empréstimo consignado ou tinha ganhado alguma causa na Justiça e estava para receber algum valor em dinheiro. Na ocasião, o próprio bancário era iludido, achava que a documentação estava legal e fazia os contratos em boa fé. Por isso, só quando essas pessoas iam ao banco receber o dinheiro que percebiam a fraude.

Segundo a PF, a quadrilha tinha poder de retirar a pensão e até os “penosos” precatórios, que normalmente se demora a receber. Ainda segundo a PF, grande parte das vítimas tinha contracheque fixo, e eram servidores públicos, aposentados ou pensionistas.

Há aproximadamente dois anos, quando as investigações tiveram início, os suspeitos envolvidos em fraudes bancárias que atuavam simultaneamente nos estados do Rio Grande do Norte e da Paraíba passaram a ser acompanhados. Em seguida, ficou comprovado que várias quadrilhas também praticavam os mesmos delitos nos estados de Goiás e de Pernambuco. Outras ramificações desses grupos criminosos ainda estão sendo mapeadas pela PF em diferentes estados da Federação.

Segundo a PF, os criminosos serão indiciados por estelionato, associação criminosa e lavagem de dinheiro.


Nenhum comentário: