Twitter            

.

.

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

Tripulante do avião da Chapecoense: “Cristo te aguarda para encontro glorioso”

O paraguaio Gustavo Encina, piloto da Lamia, fazia parte da tripulação do avião que transportava a equipe da Chapecoense para o jogo em Medellín. Sua última mensagem no Facebook, postada horas antes da tragédia que ceifaria sua vida gerou polêmica na imprensa de fala espanhola.
Tripulante do avião da Chapecoense: “Cristo te aguarda para encontro glorioso”Publicada na segunda-feira, trata-se de uma reflexão sobre a vida, mas para alguns era uma “profecia” do que aconteceria. O representante da empresa boliviana Lumia costumava escrever na rede social sobre sua fé em Jesus e a importância que isso tinha na sua vida. Sua mensagem derradeira dizia:
“Bom dia! Como você olha para sua vida? Para frente ou para trás? Que o Senhor te dê a graça para largar as coisas, até mesmo aquelas que consideras preciosas nesta vida, e te permita olhar mais para adiante, onde Cristo te espera para um encontro glorioso que te abrirá as portas da eternidade”.
A mensagem foi reproduzida centenas de vezes por seus amigos e pessoas que desejavam suas condolências aos familiares do piloto. Para muitos é uma declaração de fé e esperança de um seguidor de Cristo. Porém após alguns veículos de comunicação sugerirem que era uma “previsão” sobre o acidente, o que gerou polêmica. A família acabou tirando a postagem do ar.
Nas primeiras horas após o acidente, o nome de Encina foi veiculado pela imprensa colombiana como o piloto do avião. Posteriormente, a empresa esclareceu que ele estava na equipe de apoio e a aeronave estava sendo conduzida pelo também paraguaio Miguel Quiroga.
Em outra postagem recente, Encina mostrou que simplesmente gostava de pensar sobre a eternidade. Ele havia escrito: “O que você acha do céu? A Bíblia fala sobre uma porta estreita para chegar lá. Não a da religião, a da moral, ou a das boas obras. É Jesus que nos dá as condições para entrar. Estás pronto?”
Bíblias entre os destroços
Entre os jogadores que faleceram, havia vários evangélicos. As equipes de resgate relatam terem encontrado várias Bíblias entre os destroços.
O lateral-esquerdo Alan Ruschel, um dos sobreviventes, teve fratura no quadril e um corte na cabeça. Ele teve a coluna operada e passa bem. Em sua conta do Instagram, a esposa de Alan Ruschel escreveu a seguinte mensagem: “Graças a Deus o Alan está no hospital, estado estável. Estamos orando por todos que ainda não foram socorridos, e força para toda a família. Situação complicada, difícil. Só Deus para dar força mesmo. Obrigada Deus”.
O zagueiro Hélio Zampier Neto sofreu um traumatismo craniano, passou por uma cirurgia delicada e sua situação é considerada “estável” pelos médicos. No entanto, Neto ainda terá que passar por cirurgias de reparações no joelho, na mão, no nariz e no crânio. Membro da Igreja Batista de Chapecó, a família vem pedindo orações pela sua recuperação. Com informações CBN

Nenhum comentário: