Twitter            

.

.

segunda-feira, 6 de março de 2017

Projeto alternativo planta maçã, pera, pêssego e amora no sertão potiguar

Extação Experimental de Apodi vai receber 900 mudas de variadas espécies de maçã, pera, cacau, pêssego, amora, abacate, caqui, uva e tangerina (Foto: Divulgação/Emparn)

Um projeto alternativo de plantio de mudas frutíferas será implantado ainda neste mês de março no semiárido potiguar. Segundo a Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn), foram adquiridas 900 mudas de variadas espécies de maçã, pera, cacau, pêssego, amora, abacate, caqui, uva e tangerina.

Ainda de acordo com a Emparn, o plantio será feito na Estação Experimental de Apodi, na Região Oeste do estado. O projeto tem o patrocínio do Banco do Nordeste e conta com recursos no valor de R$ 89 mil.

O principal objetivo é avaliar o potencial agronômico e econômico dessas espécies frutíferas, a maior parte de clima temperado, mas adaptadas ao semiárido. A expectativa é disponibilizar, em até três anos, novas opções de cultivos para áreas castigadas pela escassez de chuvas.

Nenhum comentário: