.

.

quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

Governador do RN afirma que situação em Natal está ‘fora de controle’

Coletiva-Deicor-Robinson-Faria-2
Em entrevista à CBN, Robinson Faria disse que intenção é esvaziar e interditar o presídio de Alcaçuz. Ele pediu ao governo federal o envio imediato de homens das Forças Armadas. A ideia é que os militares atuem nas ruas de Natal, já que policiais serão deslocados para o presídio de Alcaçuz.
O governador do RN, Robinson Faria, afirmou à CBN que a situação em Natal está “fora de controle” após novo confronto no presídio de Alcaçuz, o incêndio de 14 ônibus e o ataque a pelo menos duas delegacias. Segundo Robinson, a intenção final do governo é esvaziar a penitenciária e interditá-la.
Ele ligou ao ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, para pedir que ele interceda junto ao presidente Michel Temer na tentativa de arranjar o envio imediato de homens das Forças Armadas ainda nesta quinta-feira (19). A ideia é que os militares atuem nas ruas de Natal, já que policiais serão deslocados para o presídio de Alcaçuz.
“Estão botando fogo em ônibus como retaliação pela separação das facções nos presídios. Ambos os lados estão retaliando o governo. A situação está muito mais grave do que ontem. Precisamos de um socorro imediato”.
Policiais militares usam armas não letais na tentativa de conter o novo motim na unidade onde pelo menos 27 detentos morreram nos últimos dias. Unidade está dividida em dois lados, cada um tomado por uma facção criminosa rival.

Nenhum comentário: