.

.

domingo, 23 de abril de 2017

Delatores: aliados de Alckmin e Serra receberam mais de R$ 2 milhões em caixa 2

Do UOL, em São Paulo
Ao menos 13 políticos próximos ao governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), e ao senador José Serra (PSDB) receberam mais de R$ 2 milhões em caixa dois na eleição de 2010, segundo delatores.
De acordo com os depoimentos, em praticamente todos os casos, os políticos foram escolhidos em função de uma possível ajuda que poderiam dar em relação a interesses da empreiteira ou para estreitar laços com Serra e Alckmin.
Os dois tucanos são apontados, ao lado do senador mineiro Aécio Neves, como presidenciáveis do PSDB para a eleição do ano que vem.
Entre os citados, estão dois ex-presidentes da Assembleia de São Paulo, cinco ex-secretários dos governos Serra (2007-2010) ou Alckmin (2001-2006 e 2011 até hoje) e políticos próximos aos dois tucanos, que se alternam no comando do governo do Estado há 17 anos.
Todos os políticos que responderam ao UOL negaram irregularidades.

Nenhum comentário: