Twitter            

.

.

quinta-feira, 18 de maio de 2017

Famosos que apoiaram Aécio Neves na eleição são detonados na internet

Após o anúncio de que Aécio Neves foi afastado do Senado, nesta quinta-feira (18), diversos famosos que demonstraram apoio ao político na época das eleições presidenciais, foram imensamente zombados nas redes sociais. Edson Fachin, ministro do STF (Supremo Tribunal Federal), proibiu o tucano de permanecer no cargo por tempo indeterminado após ter pedido R$ 2 milhões aos donos do JBS.
Artistas como Zezé di Camargo e sua filha, Wanessa, que apoiaram Aécio na sua candidatura como presidente da República na eleição de 2014, receberam chuvas de comentários em suas recentes publicações no Instagram. O bordão “A culpa não é minha, eu votei no Aécio” foi repetido inúmeras vezes, em tons de ironia, pelos internautas. O irmão de Luciano, inclusive, privou a sua conta, e Wanessa desativou os comentários.

Nenhum comentário: