domingo, 8 de setembro de 2019

Vampiros da Saúde: Golpe no Ministério da Saúde sugou R$ 2,4 bilhões do povo


Corrupção já é um crime grave, quando envolve golpes na área da saúde, tão essencial para o povo, fica pior ainda!




O caso dos Vampiros da Saúde, descoberto pela Polícia Federal em 2004, envolvia empresários, funcionários do Ministério da Saúde e políticos.

O rombo nas contas públicas chegou a R$ 2,4 bilhões!

A quadrilha fraudava licitações para a compra de medicamentos, principalmente hemoderivados (plasmas sanguíneos utilizados em hemodiálises), adquiridos pelo Ministério da Saúde, daí o nome do grupo.

E sabe quem foi acusado de participar do esquema? O ex-ministro da Saúde, *Humberto Costa, codinome 'Drácula' nas planilhas de propina* da Odebrecht, e Delúbio Soares, ex-tesoureiro do PT.

Em 2010, o Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF-5) absolveu Humberto Costa das acusações de envolvimento no caso dos Vampiros da Saúde.

Já Delúbio Soares foi condenado no caso do Mensalão e preso, em 2018, pela Operação Lava Jato.


0 comentários: